mais bela gordinha do rj tradicional
mais bela gordinha do rj tradicional

Mais bela gordinha do RJ tradicional – Giselle Pinheiro

Hey, Habib! Conheça a “Mais bela gordinha do RJ tradicional”. Giselle Pinheiro é uma das representantes cariocas no concurso “A mais bela gordinha do Brasil” na categoria tradicional. O evento criado pela modelo plus size e produtora de eventos Cláudia Ferreira,acontecerá no dia 16 de julho na cidade das Artes, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Conheça a história por trás da representante, bem como sua visão acerca de questões fundamentais quando eleita modelo de representatividade para uma sociedade em desconstrução.

É uma grande alegria ter sua participação em um concurso de nível nacional que valoriza a beleza das gordinhas do Brasil. Conta pra gente um pouco de você, da sua história, o que você faz e sobre a atual relação com a sua beleza e seu corpo.

Desde já agradeço a oportunidade; Bom, eu me considero uma pessoa bem extrovertida e eclética, apesar da timidez ter feito parte de um bom pedaço da minha vida. Resumindo minha história: sou filha única por parte de mãe tenho mais 6 irmãos por parte de pai, os quais não vejo a muito tempo, cresci numa comunidade de Duque de caxias, sempre fui uma menina cheia de sonhos e o segundo maior estou realizando agora. Esse é meu primeiro concurso e estou em êxtase pela oportunidade de participar. Sou cabeleireira ,amo o que faço e no decorrer dos anos sempre disse às pessoas: um dia vou ser modelo e era reprimida por palavras como: Gorda desse jeito? Você é tão bonita, porque não emagrece? entre muitas outras coisas absurdas que prefiro nem repetir”.

Assim foram se passando os anos, eu sempre me escondendo, sempre me preocupando com o que as pessoas iriam pensar se me vissem dançando (coisa que sempre amei), ate que um belo dia resolvi sair da depressão e me aceitar do jeitinho que sou, me amar e comecei a sair dançar sem olhar a minha volta e sem me importar se estavam me olhando. Até que conheci a Nilma Duarte, me tornei passista plus e hoje estou aqui realizando um sonho; aqueles que disseram que eu nunca iria conseguir, é difícil segurar a emoção, porém hoje me amo e sou segura do que quero pra minha vida”.

O concurso “A mais bela gordinha do Brasil” tem como objetivo principal a elevação da autoestima e valorização da mulher real no país, tornando essa representatividade uma grande responsabilidade quando se é escolhida. O que você sentiu no momento da sua seleção e o que você busca passar na posição de destaque na qual se encontra?

No momento da minha seleção já me senti vitoriosa independente de faixa. O fato de estar concorrendo pra mim é como se fosse o primeiro lugar; eu busco passar pra outras pessoas que elas devem sim se amar, se sentirem lindas se emponderar, não deixar que nada nem ninguém diga que você nunca vai conseguir. Mas respirar fundo erguer a cabeça e seguir em frente dos seus sonhos independente das circunstâncias”.

Em uma sociedade gordofóbica em processo de desconstrução, onde você enxerga que está a verdadeira problemática quanto à esse tipo de preconceito e qual solução real você indicaria para sanar de vez a questão?

“Quando as pessoas entenderem de fato que Deus deu o livre arbítrio para o ser humano fazer de sua vida o que bem entender, a questão da gordofobia entre outras situações raciais serão resolvidas. Cada um deve viver da maneira que se sente bem e feliz; a melhor punição para quem comete gordofobia é ver que as pessoas atingidas são felizes assim e não dependem delas para nada, porém uma boa dose de conscientização não é nada ruim e não se pode nem especular o caráter porque esse vem de berço”.

Uma mulher fora dos padrões, principalmente quando acima do peso, sofre uma série de preconceitos, discriminações, dentre outros ataques internos e externos que podem levar a sérios problemas de saúde como a depressão, transtornos alimentares, dentre outros. Você já sofreu algo do tipo? Que conselho você poderia deixar para a mulher, independente da idade, que está passando por essa situação vexatória e qual argumento de conscientização você poderia deixar para o agressor que comete tais atos?

“Sim, por diversas vezes sofri preconceito por ser gorda; o conselho que eu deixo para as mulheres que passam por essa situação é: acorde todos os dias, fique de frente para o espelho e veja alguém que vale a pena você amar. Não chore se o mundo ainda não notou já é o bastante Deus reconhecer o seu valor; e meu argumento para as pessoas que cometem esse ato é que vão viver suas vidas e parem de uma vez por todas de colocar pra baixo pessoas que estão nesse mundo matando vários leões ao dia para sobreviver. A vida já é dura demais em vários aspectos para se ter alguém que fique nos julgando por não ter um corpo magro que pra muitos é visto como perfeição. Corpo bonito é aquele que tem uma pessoa feliz dentro dele”.

Engana-se quem pensa que para ser a mais bela gordinha do RJ tradicional, pode-se ter hábitos desregulados, ou não precisa seguir uma série de cuidados com a saúde e práticas de beleza, certo? Deixa pra gente suas melhores dicas para manter o corpão com saúde e a beleza cada vez mais exuberante!

Sim. A maioria acha que por ser gorda é ter o significado de sedentarismo; eu, apesar de ser gordinha, amo fazer luta (apesar de estar afastada devido a não conseguir conciliar trabalho com o horário das lutas), amo zumba, amo uma ginastica localizada, amo sambar e sempre que posso estou em alguma atividade física. Procuro beber bastante água e por trabalhar com beleza também ajuda a sempre reforçar os cuidados com unhas e cabelos que eu sempre procuro mantê los arrumados”.

O segredo para se ter uma pele bonita é sorrir sempre; tá tudo bem, sorria, dê gargalhada. Está ruim, sorria mais ainda ( como dizem rir da própria tragédia). Riam mesmo, chorar não vai resolver mesmo e ainda deixa o rosto inchado; então sorriam pra tudo e de tudo; exercitem os músculos faciais e se torne cada dia mais bela. A mais bela gordinha do brasil, é assim que me sinto”.

JOGO R Á P I D O ! Sobre a mais bela gordinha do RJ tradicional”, responda com uma palavra:

  • 1- Minha maior vantagem quanto às outras candidatas: DESTINO.
  • 2- Meu maior desafio nesse concurso: INTERIOR.
  • 3- O concurso “a mais bela gordinha do Brasil” significa: SONHO.
  • 4- Minha maior luta é: TIMIDEZ.
  • 5- Eu mereço ganhar porque: eu acredito no meu destino de ser modelo os céus conspiraram a favor de que eu participasse desse concurso e tenho certeza que independente de faixa sou campeã sim.
Mais bela gordinha do RJ tradicional

Agora que você conheceu A Mais bela gordinha do RJ tradicional, pode refletir melhor sobre sua história, bem como sua visão acerca de questões fundamentais quando eleita modelo de representatividade para uma sociedade em desconstrução. Pronta para decidir para quem vai a sua torcida no concurso A mais bela gordinha do Brasil? Clique AQUI para saber mais sobre o grande dia e acompanhe as demais entrevistas com as candidatas clicando AQUI. Gostou? Acesse diariamente a Revista Oka e conheça histórias surpreendentes de mulheres empoderadas que fazem a diferença!

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Top 3 Stories

Leia Mais
Miss Plus Size Pará 2019 - Léa Porto
Miss Plus Size Pará 2019 – Léa Porto