fbpx
Você tem um estilo próprio? A consultora Luciana Dantas te ajuda a descobrir!
Você tem um estilo próprio? A consultora Luciana Dantas te ajuda a descobrir!

Você tem um estilo próprio? A consultora Luciana Dantas te ajuda a descobrir!

Hey, Habib! Saber identificar um estilo próprio não é uma tarefa tão simples como parece. Reconhecer uma forma de vestir capaz de transmitir a sua personalidade é uma característica rara mas, ao mesmo tempo, bem possível. Pensando nisso, a Revista Oka trouxe uma entrevista com a consultora de moda e estilo Luciana Dantas com informações e dicas que vão lhe guiar a fim de identificar e praticar um estilo próprio. Confira!

Luciana, explica pra gente como funciona o seu trabalho de consultoria de imagem e estilo.

A consultoria de imagem é um serviço totalmente personalizado, onde ajudo mulheres a desenvolver uma imagem pessoal de acordo com seus objetivos e necessidades. Ela se desenvolve em várias etapas. Após um bate papo inicial, partimos para um estudo de seu estilo, coloração pessoal e sobre as partes do corpo que a agradam e desagradam.

Em seguida fazemos uma avaliação de guarda-roupa, montagem de looks, sessão de compras assistida e lookbook. Como é um trabalho bastante extenso, onde o cliente recebe muitas informações novas, ao final dos encontros entrego um material escrito, o dossiê de estilo. Nele reúno todas as informações que foram passadas durante os encontros, para que sirva de auxílio sempre que pintar alguma dúvida posteriormente. 

Para você, qual a importância da conscientização do estilo próprio?

Você tem um estilo próprio? A consultora Luciana Dantas te ajuda a descobrir!
Imagem via google

A satisfação e segurança que sentimos quando nos encontramos nas roupas que vestimos é, sem dúvidas, o maior benefício que a conscientização do estilo próprio pode trazer. Além disso, quando conhecemos nosso próprio estilo, passamos a fazer escolhas mais acertadas e diminuímos os gastos com roupas que não vamos usar.

É muito natural que a gente goste de elementos de estilos variados, mas o cerne da questão é ter consciência do que gostamos a ponto de querer carregar junto ao nosso corpo. É importante frisar aqui que o que trará diferença não é saber o nome do estilo e suas eventuais descrições, mas sim compreender a essência, o que você busca e o que quer expressar. 

O estilo é capaz de transmitir uma mensagem não verbal? Como adequar um estilo próprio ao que quero passar?

Sim. Na verdade, todos os elementos que utilizamos transmitem mensagens. As cores, modelagens, tecidos, etc, são elementos que comunicam. Para fazer essa adequação, o primeiro passo é compreender o que cada elemento transmite em separado para depois fazer uma combinação que comunique o seu discurso. Para facilitar a compreensão, costumo fazer uma analogia com palavras e frases.

Uma palavra solta pode não dizer muito, mas quando está contextualizada dentro de uma frase, ela transmite uma mensagem. Podemos olhar para cada componente do nosso visual como palavras e o visual completo como uma frase. E para fazer a adequação do estilo ao que queremos transmitir, devemos levar em consideração o todo, para definir quais elementos daquele estilo podem falar mais alto e quais devem ser silenciados. 

O que fazer quando olhamos para um guarda-roupa lotado e dizemos: “não tenho nada para vestir”. A que isso se deve?

Você tem um estilo próprio? A consultora Luciana Dantas te ajuda a descobrir!
Imagem via google

Na maioria dos casos isso acontece por falta de planejamento e por estarmos sempre presos a velhos hábitos de vestir. A falta de planejamento, tanto na hora de comprar, quanto na hora de explorar as possibilidades que já existem dentro do armário pode render resultados desastrosos. Ao comprar roupas novas é essencial levar em consideração aquilo que você já tem, para saber se as peças novas casam com o que já está no seu armário e se não é mais do mesmo.

Para isso sempre sugiro fazer uma lista antes de ir às compras. Nela você anota o que falta e o que vai compor bem as peças que você já tem. Além disso, dedicar um tempo para tentar montar novos looks com o que você já possui é essencial. Muitas vezes caímos no hábito de usar nossas roupas sempre da mesma forma e não nos permitimos novas possibilidades. Por isso sugiro reservar um tempinho em frente ao espelho e experimentar suas peças combinando-as de forma diferente das que você está habituada.

Dicas: Troque os acessórios, as composições, acrescente um cinto… O importante é deixar a criatividade rolar e não ter medo de errar. Isso pode não te trazer uma solução definitiva, mas sem dúvida, ao desenvolver esse habito, você tem maiores chances de aproveitar melhor tudo o que já tem. 

Como funciona o processo de reformulação de guarda-roupa?

Essa é uma das etapas mais demoradas e produtivas da consultoria de imagem. É nesse momento que vemos a mágica acontecer. Eu sempre começo dividindo as roupas em dois grandes grupos: o que é usado x o que não é usado. Durante a reformulação nós vamos montar novos looks com as peças que a pessoa já usa, vamos tentar dar uma segunda chance àquelas peças que não usadas, pensando em novas combinações e possíveis ajustes ou reformas;

vamos avaliar o estado dessas roupas para definir o que fica, o que sai e o que precisa de algum ajuste, além de fazer uma lista com as peças que são complementares a tudo o que a pessoa já possui. Vale ressaltar que nem sempre as compras são necessárias. Muitas vezes nós conseguimos ótimas soluções apenas trabalhando o que a cliente já possui em seu armário. 

Com transformar uma imagem de forma assertiva, conciliando carreira e vida pessoal?

Você tem um estilo próprio? A consultora Luciana Dantas te ajuda a descobrir!
Imagem via google

O primeiro passo e definir o que você quer transmitir através de sua imagem tanto em situações profissionais quanto sociais. Pensar em peças que transitem bem entre esses dois ambientes ajuda bastante, pois assim você não precisará investir em peças que fiquem limitadas a um único tipo de situação. Além disso, pensar em truques de styling, como mudar um sapato, ou colar e brincos, fazem seu look sair do escritório e ir direto para o happy hour sem que você precise ir em casa se trocar. 

Como funciona o processo de autoconhecimento de imagem e estilo? Como o profissional especializado pode ajudar nesse ponto?

A identificação do estilo não é uma tarefa fácil. Pois o vestir vem permeado de uma série de questões tanto internas quanto externas, que podem terminar nos moldando para ser/parecer aquilo que não somos. Esse processo é feito por etapas, com exercícios, conversas e avaliação da imagem atual da cliente e da imagem que ela gostaria de projetar.

Para conseguir um resultado satisfatório, o profissional tem que, antes de mais nada, saber ouvir seu cliente para conseguir captar a essência do que ela deseja. A maioria das pessoas sabe exatamente o que quer mudar, mas não consegue ser objetivo nessa mudança. Um consultor de imagem auxilia esse processo, utilizando as técnicas e ferramentas da consultoria para que a pessoa consiga desenvolver a imagem que deseja. 

Como descobrir um estilo próprio, genuíno, sem se deixar influenciar pela moda?

Imagem via google

Olhando para dentro e não para fora. Você deve, antes de mais nada, atentar para os elementos que te atraem na hora de vestir, atentar para o que você busca. Sempre que for comprar algo novo se questione: eu quero porque tem a ver comigo e com meu estilo de vida ou eu quero porque está na moda?

Utilizar peças de tendência é uma ótima ferramenta para trazer um ar mais antenado e moderno ao visual, mas, para isso, você não precisa se vestir de tendência dos pés a cabeça. Você pode agregar peças mais modernas àquelas outras que já fazem parte do seu acervo há anos e assim construir uma imagem mais autêntica e pessoal. 

Curte moda? Leia sobre a volta da pochete clicando AQUI.

Meu intuito como consultora de imagem é ajudar mulheres a desenvolver uma imagem única, que expresse sua personalidade, que mostre seu potencial e que as deixem mais seguras para enfrentar os desafios diários. Busco descomplicar o vestir e mostra que ele pode (e deve) ser uma parte deliciosa do nosso dia a dia. 

Luciana Dantas, consultora de imagem e estilo

Comentários

Leia Mais
Match Esquadrão do Brilho garante até 24 horas de brilho sem deixar os fios pesados
Match Esquadrão do Brilho garante até 24 horas de brilho sem deixar os fios pesados